terça-feira, 5 de julho de 2022

Ivo Amaral, Eduardo Campos e o Festival de Inverno de Garanhuns

Governador Eduardo Campos visita o ex-prefeito Ivo Amaral 

Ivo Tinô do Amaral foi vereador, vice-prefeito e prefeito de Garanhuns duas vezes. Também exerceu o mandato de deputado estadual em duas oportunidades. Embora tenha encerrado seu último mandato como gestor há mais de 25 anos, realizou algumas ações que dificilmente serão esquecidas pelos moradores da cidade, do Agreste e de Pernambuco.

Uma de suas obras mais conhecidas é o relógio de flores, na Praça Dr. Tavares Correia, ainda hoje o principal cartão postal de Garanhuns. Outra iniciativa que entrou para a história de Garanhuns foi a criação do Festival de Inverno, hoje o maior evento cultural do Brasil.

Por diversas vezes tentaram homenagear o ex-prefeito, por conta da iniciativa de criar o Festival de Inverno. Os requerimentos, propostas, ideias, sempre esbarraram em algum impedimento. Era a política atrapalhando que se fizesse justiça ao homem público.

Coube ao governador Eduardo Campos (PSB), em 2013, passar por cima das questões ideológicas e políticas, e anunciar que em 2014, quando  completaria 80 anos de idade, o ex-prefeito seria o homenageado da 24º edição do FIG.

O governador fez o anúncio publicamente, no mês de julho (2013), durante a inauguração da UPAE da cidade. Justificou que ia se fazer justiça e que o ex-governante merece a honraria. Disse mais: "Esta é uma decisão de governo".  

Ivo Amaral ficou emocionado com o gesto simpático do governador do Estado. E fez questão de dividir a homenagem com todos que colaboraram com o surgimento e a consolidação do Festival de Inverno de Garanhuns. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marília é a esperança de dias melhores para os pernambucanos

Por Eudson Catão* Marília Arraes é a pessoa certa, na hora certa, para virar a página e tirar do poder um grupo que se encastelou no Governo...