sexta-feira, 1 de julho de 2022

Dominguinhos foi o grande homenageado no 2º FIG


A primeira homenagem a José Domingos de Moraes, o Dominguinhos, foi feita na segunda edição do Festival de Inverno, em 1992 quando Ivo Amaral concluía o seu segundo mandato. Muito antes, no seu primeiro governo (1977/82), o ex-dirigente do município convidou o sanfoneiro e cantor para abrir os festejos do Centenário de Garanhuns. Isso foi no ano de 1979 e quem também participou da festa foi Luiz Gonzaga. No palco armado na Avenida Santo Antônio, Gonzagão deu dois presentes para a cidade, perante 30 mil pessoas: anunciou que o garanhuense seria o seu sucessor como "Rei do Baião" e cantou pela primeira vez a música "Onde o Nordeste Garoa", homenageando a Suíça Pernambucana.

Dominguinhos, antes de emigrar para o Rio de Janeiro e se tornar conhecido nacionalmente (com apoio de Gonzaga), tocava muito na porta do Hotel Tavares Correia.

Foto: Dominguinhos e o prefeito Ivo Amaral em 1979.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O alfaiate de Garanhuns

João Marques* Luiz Gonzaga cantava uma música que dizia "Sou alfaiate do primeiro ano / Pego na tesoura e vou cortando o pano". Is...