quarta-feira, 5 de janeiro de 2022

Época de ouro da música em Garanhuns


Em Garanhuns no passado, Augusto Calheiros, Luiz Patrão, Alfredo Leite Cavalcanti e outros menestréis cantavam músicas imorredouras acompanhadas pelos violinistas Euclides Pernambuco, Manoel do Sargento, Pedro Pichumba, Luiz Montanha e muitos outros músicos de qualidade.

O chamado "modernismo" modificou as belas-artes, como a música romântica e o samba. Voltando a Garanhuns, lembro-me dos apetitosos consumidores dos bons vinhos, entre eles João Pirrichiu, Libório Fogueteiro, Alfredo Barbeiro, Manoel da Baixa e muitos outros. Após "bebiricarem" os saborosos licores, Augusto Calheiros e Luiz Patrão cantavam e declamavam músicas imortais. Os cinemas Grossi, Trianom, Jardim e Glória, realizavam belos saraus acompanhados pela pianista Zulmira Fogo. (Fonte: José Rodrigues da Silva -/ Professor, historiador e Jornalista / Garanhuns, 28 de Março de 2003).

Foto: Zulmira Henrique da Silva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Concurso Câmara de Camaçari – BA com 50 vagas

O edital nº 01/2022 do aguardado concurso Câmara de Camaçari, no estado da Bahia, foi publicado e vai passar pela primeira retificação. De a...