sexta-feira, 21 de janeiro de 2022

História de Garanhuns

O julgamento do padre Hosana Siqueira, como esperado, varou a madrugada. O veredito foi de quase absolvição: dois anos e meio de prisão e mais dois anos no Manicômio Judiciário. Ele já cumpriu mais da metade da pena na Casa de Detenção. O padre é acusado de matar o bispo de Garanhuns, dom Expedito Lopes. A tese de legítima defesa prevaleceu. (JC. 22/02/1959).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Coração de Neon" é aclamado pela crítica em Cannes como o "novo cinema popular brasileiro"

A presença do filme “Coração de Neon” em Cannes, na França, pode estar abrindo uma nova fase do cinema brasileiro. A produção curitibana aca...