sexta-feira, 4 de fevereiro de 2022

A importância da máquina


José Inácio Rodrigues*

Sabemos quem não há remédio

Para curar este tédio

Desta doença incurável!

Só a máquina vampiro,

Faz-nos perder uns quilos,

Deixando-nos mais saudável!


Sabemos que o tratamento,

Nos ameniza, o sofrimento...

Porém, não sara as feridas!

Vivemos nesta ansiedade...

De que esta enfermidade

Esteja na hora da partida!


É uma doença cruel, ingente

Mas, a máquina vampiro é forte

Filtrando o sangue da gente!

É vida para os pacientes

Trazendo-nos melhor sorte!


Acreditamos  nesta vampiro,

Ela reduz uns quilos

E livra da dispneia e inchação!

Parece mãe cheia de atitude,

Cuidando de nossa saúde

E zelando por nossa educação!


É bom não perder o decoro,

Agora, não é hora de choro,

E sim, de muita reflexão!

É preferível sofrer calado,

Cuidar dos órgãos sarados,

Especialmente do coração!

*Professor, poeta, bacharel em direito, radialista, escritor, foi vereador e prefeito de Garanhuns.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adelmo Arcoverde lança o livro “Viola do Nordeste – Da Cantoria A Viola Progressista”

O professor pernambucano Adelmo Arcoverde lança, quinta-feira (26), às 16h, o livro “Viola do Nordeste – Da Cantoria A Viola Progressista”, ...