segunda-feira, 14 de fevereiro de 2022

Garanhuns Antiga


Por Ígor Cardoso*

A Fábrica de Arados Paraguassu foi iniciada em 1947 pelo empreendedor Abelardo de Souza Melo, em uma modesta oficina localizada na Rua Dantas Barreto. A partir de 1950, passaria a ocupar o imóvel fronteiriço à estação ferroviária, que fora uma usina algodoeira da firma José Tavares de Moura & Cia., na década de 1920, sendo posteriormente adquirido pela firma Manoel Pedro da Cunha & Cia. - época em que assumiu a designação de Usina São Pedro. Precursora, a Paraguassu não tardaria a se destacar no mercado de implementos agrícolas, sobretudo de arados para cereais e cana. Não resistiria muito, porém, ao prematuro falecimento de seu fundador, encerrando definitivamente suas atividades em 1978. No começo de 2020, o imóvel quase centenário foi demolido. Registro de autor desconhecido, provavelmente dos anos 1960 ou 70.

Fonte: https://www.instagram.com/garanhunsantiga/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Secult-PE/Fundarpe divulga resultado final das propostas classificadas do FIG 2022

A Secult-PE e a Fundarpe divulgam o resultado final das propostas classificadas na análise de mérito artístico-cultural do 30º Festival de I...