quinta-feira, 17 de março de 2022

Caneiro tem sempre saídas

Rocir Santiago

Segundo Augustinho, Seu Lino, além de gostar de  tomar umas biritas, ainda tira versos, gosta de improvisar cantigas de toadas, versos de viola, etc... E quando se acolhia com um bom parceiro, se esquece do tempo, até mesmo de voltar pra casa, onde pacientemente há 40 anos, é casado com D. Téo que sempre o espera.

Mas, toda paciência tem limite, e  desta vez, Seu Lino passou do armar (da conta, do limite). Juntou-se com uns aboiadores, que não via há algum tempo e, entre uma dose e outra, desde a sexta-feira, começando no próprio Bar de Augustinho, emendou os bigodes com os  amigos e saiu de bar em bar, tomando uma e tirando versos. Passou pelo 1º de  Julho, no Brás, Barraca da Galinha, Bandejão, Bar do Boi e mais outros bares da cidade e até de outras cidades da redondeza de Garanhuns.

Quando se deu conta, era  madrugada de domingo e ele não tinha avisado nada para esposa, D. Téo. Ainda meio tonto, acertou chegar em casa. Mas a adrenalina pelo medo do esporro que, na certa levaria da esposa, ainda teve o tino de, lá pelas 5 e meia da matina, chegar em casa de pontinhas de pés, sem fazer barulho e, bem devagarzinho, no quarto, ao encontrar a esposa dormindo, senta-se a beira da cama e começa a tirar a roupa. Nisso, D. Téo, vira-se pra ele e pergunta, toda abusada: - Bonito! Isso é hora de chegar em casa, cachorro? E Seu Lino, improvisador como sempre, arrematou: -  Oxente! Se tu num levantar logo, vai perder a Missa das 6 horas, lá no Colégio Diocesano, com Mons. Adelmar" Eu já tô me aprontando...

*Jornalista, radialista e poeta / Garanhuns, junho de 2002 / Jornal O Monitor.

*Augusto Teixeira Filho (foto), popularmente conhecido como "Augustinho", tinha um bar e restaurante na rua Ari Barroso, lado esquerdo do antigo Fórum de Garanhuns. Augustinho faleceu em julho de 2012, deixando sua poesia, os seus causos e o abraço amigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adelmo Arcoverde lança o livro “Viola do Nordeste – Da Cantoria A Viola Progressista”

O professor pernambucano Adelmo Arcoverde lança, quinta-feira (26), às 16h, o livro “Viola do Nordeste – Da Cantoria A Viola Progressista”, ...