segunda-feira, 28 de março de 2022

Covid piora a qualidade de vida em metade de pacientes que foram internados


Uma nova pesquisa observou que a Covid-19 está associada à piora da qualidade de vida por sequelas em mais da metade dos pacientes que foram internados pela doença. O sexo feminino e a idade avançada foram os aspectos que mais estavam associados ao desenvolvimento de problemas mentais ou físicos mesmo depois de meses da alta hospitalar.

O estudo foi assinado por pesquisadores da UFVJM (Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri), em Minas Gerais, e publicado na Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Também contou com a colaboração da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz).

A Covid longa - como são chamados os problemas crônicos de saúde originados de uma infecção pelo Sars-CoV-2- vem sendo investigada em todo o mundo. No Brasil, iniciativas para o tratamento da perda de olfato ou uso de cannabis para a condição são alguns exemplos.

Clique aqui e confira a matéria na íntegra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Empresas reduzem embalagens e qualidade para repassar custos

Por Daniel Mello Cada vez mais empresas estão recorrendo à redução do tamanho das embalagens e à mudança na composição dos produtos para rep...