sábado, 23 de abril de 2022

História de Garanhuns

JOSÉ ALVES DA SILVA TORORÓ -  Em 07 de janeiro de 1893, estava tomando posse no cargo de Conselheiro Municipal do Primeiro Governo Administrativo do Município de Garanhuns, para o qual fora eleito, conjuntamente com o Major Antônio da Silva Souto, esta para a função de Prefeito. Na legislatura seguinte retornou ao Legislativo, eleito em 30 de novembro de 1895, sendo então Prefeito Manoel Antônio de Azevedo Junior. Agricultor em 1878 era possuidor de "partes de terra" na propriedade Várzea, conforme consta de escritura com residência  na Cidade de Garanhuns, adquiridas por quarenta mil réis (40$000) a Fidélis Jorge de Lima e Cecília Meireles dos Anjos a qual herdaram da genitora e sogra Francisca Maria dos Anjos.

José Alves da Silva Tororó era casado  com Escolástica Setembrina do Rego Baldaia (Mãe Cula) e do casal sete filhos. Os pais foram Lituriano Alves Micálcio e Maria Alves, oriundos de Palmeira dos Índios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisa mapeia situação de controle interno dos municípios brasileiros

A Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) lançou, nessa segunda-feira (27), o “Diagnóstico dos Controles Internos...