sexta-feira, 13 de maio de 2022

Exposição Interestadual do Mangalarga reúne exemplares de quatro estados em Itapetinga

Itapetinga, localizada na região centro-sul da Bahia, é considerada a capital do boi na região. Referência da agropecuária de corte, sendo o polo da pecuária baiana, a cidade de 90 mil habitantes recebe há 50 anos a Exposição Agropecuária de Itapetinga.

A festa, realizada entre os dias 13 e 22 de maio, no Parque de Exposições Juvino de Oliveira,  recebe diversas exposições de raça, sendo considerada a maior em número de animais da região.

Tamanho a importância da Exposição, o Mangalarga do Brasil, considerado o melhor cavalo para ser utilizado na lida no campo, principalmente no trato com o gado, não poderia ficar de fora.

Entre os dias 19 e 22 de maio, a Raça Mangalarga realiza dentro da Exposição Agropecuária de Itapetinga, a Exposição Interestadual do Mangalarga. 

A etapa receberá animais dos estados do Pará, São Paulo, Minas Gerais e Bahia. A expectativa da organização é receber mais de 100 animais inscritos para participar das provas Funcionais, Mirim, Copa de Andamento e Julgamento.  

Segundo um dos organizadores da Interestadual, Rafael Ladeia, criador e responsável pelo marketing da exposição, a prova Funcional oferecerá R$ 10 mil em prêmios e a Mirim possui uma expectativa de receber em média 50 crianças. 

“O Estado da Bahia é a porta de entrada para o Nordeste e essa exposição é muito significativa para a raça, pois abre portas para o Mangalarga expandir suas ações em outros estados como Alagoas e Pernambuco”, ressalta Jivaldo Queiroz, organizador da Exposição.

Ainda segundo Queiroz, a Interestadual deve receber mais de 50 mil visitantes, sendo considerada a mais importante do interior da Bahia. 

“Estarmos dentro da Exposição Agropecuária de Itapetinga é muito importante. Estamos no meio de pessoas que podem nos abrir portas para fomentarmos ainda mais a nossa raça. O Mangalarga é um animal altamente útil para o dia a dia da pecuária. Trabalhar com o gado com o Mangalarga é tudo de bom. Ele não é só morfologia, andamento, é função. É o cavalo de sela, mas também é muito útil na lida, muito importante no trabalho das fazendas com a agropecuária de corte”, ressalta Ladeia.

Ainda durante a exposição, no dia 21 de maio, os Haras NJT & Haras Mangalô e Convidados realizará a segunda edição do seu tradicional leilão. São quase 30 lotes de animais de destaque no cenário nacional da raça. Uma ótima oportunidade para os entusiastas da raça.

“Um leilão de oportunidade, para adquirir o melhor do sangue baiano da raça”, afirma Ladeia. 

A Exposição Interestadual do Mangalarga será aberta ao público, uma ótima oportunidade para os amantes de cavalos conhecer de perto a raça.

Além disso, a Exposição Interestadual do Mangalarga terá transmissão ao vivo pelo aplicativo Ride2Play!, primeiro streaming de cavalo do país. Acesse e baixe: https://ride2play.me/.

 Serviço:

Exposição Interestadual do Mangalarga 

Data: 19 e 22 de maio

Local: Parque de Exposições Juvino de Oliveira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adelmo Arcoverde lança o livro “Viola do Nordeste – Da Cantoria A Viola Progressista”

O professor pernambucano Adelmo Arcoverde lança, quinta-feira (26), às 16h, o livro “Viola do Nordeste – Da Cantoria A Viola Progressista”, ...