segunda-feira, 16 de maio de 2022

História de Garanhuns

14º Prefeito de Garanhuns - Nas eleições realizadas em 9 de setembro de 1922, foram eleitos o professor Luiz de Barros Correia Brasil (foto) e o Coronel Euclides Dourado, para Prefeito e Subprefeito, respectivamente. Para Conselheiros Municipais, foram votados os seguintes cidadãos: José de Almeida Filho, Tomás da Silva Maia, Augusto  Peixoto dos Santos Rocha, Felipe Neri Guimarães, Antonio de Melo Dantas, Francisco Grossi, Manoel Bentos Dantas, Joaquim Alves Barreto Coelho, João Fernandes da Silva, João Leitão de Albuquerque, Idalino Ferreira de Melo, Pedro Correia Vilela, Lindolfo Marques Cavalcanti, Belarmino de Paula Santos, Antonio Marques da Silva Café, Abdias de Noronha Branco, Raimundo de Oliveira Cavalcanti e Ernesto Leite da Silva. Foram empossados os noves primeiros, juntamente com o prefeito e subprefeito, em 15 de Novembro do mesmo ano de 1922, cujos mandatos passaram a ser exercidos por quatro anos.

Não foi muito progressista esse governo, enquanto exerceu o cargo de  Prefeito o Professor Luiz Brasil, de quem todos esperavam muita eficiência dado o seu valor como homem de letras e o amor que sempre demonstrou pela sua  terra natal, em consequência da moléstia que o atacou, pouco tempo depois de  haver assumido o cargo. No entanto, construiu a rodovia ligando a sede do Município à Vila de Brejão, com a extensão de 23 quilômetros, rodovia que não chegou a inaugurar por ter falecido. O cargo de prefeito foi preenchido por Euclides Dourado (15º Prefeito de Garanhuns), que assumiu em 23 de dezembro de 1924. O novo prefeito dotado de alta capacidade administrativa e de verdadeiro amor à sua terra natal deu início a grandes realizações que se concluíram no governo seguinte, para o qual foi eleito tendo, para se descompatibilizar e poder ser votado como candidato, passado o cargo ao Coronel Joaquim Alves Barreto Coelho (16º Prefeito de Garanhuns), presidente do Conselho Municipal. (Fonte: História de Garanhuns | Alfredo Leite Cavalcanti | Volume II | Garanhuns, Fevereiro de 1973).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Em 1935 Lampião leva pânico aos moradores de Garanhuns

Noites de inquietação e pavor de 26 de maio  a 1º de junho, em Garanhuns, com as notícias de Lampião nas proximidades. De fato, no dia 29 de...