sexta-feira, 3 de junho de 2022

Carta aberta em defesa das universidades e institutos federais contra os cortes orçamentários

Leia a nota do Consórcio Universitas (UFPE, UFRPE, UPE, Unicap, Ufape e Univasf), com o IFPE e o IF-Sertão PE

O Consórcio Pernambuco Universitas, com o Instituto Federal de Pernambuco e o Instituto Federal do Sertão Pernambucano, entendem como inaceitável e injustificável os cortes orçamentários impingidos às Universidades e Institutos Federais brasileiros. 

Dando continuidade à política de cortes dos anos anteriores, no dia 27 de maio último, foram implementados cortes de 14,5% nas despesas discricionárias, o que compromete os contratos de manutenção das IFES, inviabilizando o seu pleno funcionamento no segundo semestre de 2022. As medidas atuais ocorrem no momento em que as Universidades e Institutos Federais voltam a funcionar com total presencialidade das atividades de ensino, pesquisa e extensão, condição que demandaria ainda mais investimentos. Agrava-se, com os cortes atuais, a já insuficiente capacidade financeira para assistência aos (às) estudantes em situação de vulnerabilidade social e econômica agravada pela pandemia e pelo desemprego que assola o País.

A contínua e sistemática política de ataques às Universidades e Institutos Federais compromete não apenas a preservação e manutenção do patrimônio público de infraestrutura física e de equipamentos, forjado ao longo de décadas de esforço coletivo e de investimento em educação, ciência e tecnologia, mas coloca em risco a formação da juventude, a atuação dedicada dos (as) cientistas e da ciência brasileira, ou seja, coloca em risco o futuro do País. 

Fazemos um urgente chamamento a todas as universidades, institutos, entidades dos movimentos estudantis, dos técnicos (as), dos (as) docentes, da sociedade civil e aos (às) parlamentares, no fortalecimento da pauta, para que possamos restabelecer as condições orçamentarias necessárias à adequada manutenção e ao pleno funcionamento deste imprescindível patrimônio estratégico da sociedade brasileira.

Basta de tratar como inimigos a educação e a ciência! 

Não aos cortes! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Empresas reduzem embalagens e qualidade para repassar custos

Por Daniel Mello Cada vez mais empresas estão recorrendo à redução do tamanho das embalagens e à mudança na composição dos produtos para rep...