quinta-feira, 14 de julho de 2022

FIG é homenageado na Câmara dos Deputados


O Festival de Inverno de Garanhuns foi homenageado, ontem, na Câmara dos Deputados. Por autoria do deputado federal Fernando Rodolfo (PL), a Casa realizou uma sessão solene para celebrar o evento, justamente na véspera do início de sua 30ª edição.

“Poder fazer essa homenagem ao FIG é uma das maiores alegrias de nosso mandato. Primeiro, porque ela nunca tinha sido feita nesta Casa. E também porque, como nascido em Garanhuns, participei de diversas edições do evento e conheço muito bem o festival, sua importância cultural e econômica para a cidade, que todos os anos se torna uma vitrine nacional das artes, recebe turistas do Brasil todo que querem sentir a energia e o clima agradável de Garanhuns”, destacou Fernando Rodolfo, que presidiu a sessão solene.

O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), encaminhou mensagem reconhecendo a importância do festival para a cidade. “Garanhuns é um fiel cumpridor do artigo 215 na Constituição Federal, que dá ao estado a responsabilidade de apoiar a valorização e a difusão das manifestações culturais. O município faz a sua parte, mantendo há décadas uma programação cultural durante todo o ano, especialmente o Festival de Inverno. Um evento dessa importância merece ser reconhecido pela Câmara dos Deputados”, afirmou Lira.

Entre os presentes na solenidade, o ex-secretário de Turismo do município, Marcílio Maia, fez um reconhecimento a todos os atores que viabilizaram o FIG desde sua primeira edição. Maia organizou a primeira edição do evento, como diretor de Cultura do município na gestão do ex-prefeito Ivo Amaral. Depois, como titular do Turismo, atuou em outras oito edições.

“O evento nasceu em uma cidade do Interior de Pernambuco, através do professor Marcílio Reinaux, garanhuense que teve a ideia, e do ex-prefeito Ivo Amaral, o homem que acreditou na ideia, que saiu do papel com o apoio do então governador Joaquim Francisco e do presidente da Fundarpe à época, Rubem Valença Filho. Joaquim e Rubem não estão mais entre nós, mas estariam orgulhosos com a magnitude que o evento tomou, saindo de um simples palco de madeira para a realidade que temos hoje, onde uma superestrutura é montada na Esplanada Cultural Mestre Dominguinhos, e que terá este ano mais de 800 atrações”, declarou Marcílio Maia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marília é a esperança de dias melhores para os pernambucanos

Por Eudson Catão* Marília Arraes é a pessoa certa, na hora certa, para virar a página e tirar do poder um grupo que se encastelou no Governo...